FANDOM


Naruto | Naruto: Shippūden

Kankurō

Kanji

カンクロウ

Rōmaji

Kankurō

Informações Pessoais
Gênero

Masculino.png Masculino

Estado

Vivo

Aniversário

15 de Maio

Idade

Clássico: 14-17 anos
Shippūden: 17-18 anos

Altura

Clássico: 165 cm-167 cm
Shippūden: 175 cm

Peso

Clássico: 60 kg-61.2 kg
Shippūden: 61.2 kg

Tipo Sanguíneo

B

Ocupação

Guarda-costas do Kazekage
Capitão da Divisão de Emboscada da Aliança Shinobi

Afiliação

Sunagakure

Equipe(s)

Irmãos da Areia
Divisão de Emboscada

Família

Quarto Kazekage (Pai)
Karura (Mãe)
Gaara (Irmão)
Temari (Irmão)
Yashamaru (Tio)

Informações Ninja
Rank Ninja

Clássico: Genin
Shippūden: Jōnin

Registro Ninja

54-002

Genin

12 anos

Chūnin

16 anos

Habilidades
Equipamentos

Kankurō/Marionetes

Estréia
Mangá

Capítulo 34

Anime

Episódio 20

Vozes
Seiyū

Yasuyuki Kase

Dublador Brasileiro

Eduardo Serandini

Quando o mestre de marionetes começa a ser controlado, acabou para ele.
— Kankurō para Sasori

Kankurō (カンクロウ, Kankurō) é um personagem coadjuvante na série. Ele é um shinobi de nível jōnin de Sunagakure e um dos três Irmãos da Areia.

Personalidade Editar

Em Naruto, um traço de personalidade notável, ele era exibido uma aparente antipatia para as crianças, visto pela primeira vez quando ele tentou bater em Konohamaru por ter se chocado com ele por acidente. Isto aparece para muitas de suas interações com outros personagens, como ele estava visivelmente irritado quando na presença de alguém mais jovem que ele. Isto foi mais evidente quando ele foi visto com Gaara, que Kankurō foi forçado a colocar-se com medo devido ao seu irmão mais novo que lhe foi imposto.

Apesar de suas diferenças aparentes, Gaara e Kankurō tornam-se muito próximos ao longo do tempo passar, como Gaara começou a confiar em Kankurō, e compartilhou os seus sonhos de querer arriscar sua vida para proteger Sunagakure. Como tal, Kankurō tornou-se muito protetor de Gaara, disposto a desafiar qualquer um que insultasse Gaara na sua presença. Quando Gaara foi capturado pela Akatsuki, Kankurō apressou-se para ajudar seu irmão em uma tentativa de salvá-lo e arriscou sua vida por ele. Mas ele foi rapidamente derrotado por Sasori, e depois se juntou com Temari na procura de Gaara, logo que ele estava capacidade a andar. Em um ponto, quando Kankurō tinha sido envenenado por Sasori foi ouvido ele murmurando o nome de Gaara enquanto estava inconsciente, que mostrou o quanto ele se importava com Gaara. Uma vez que Gaara foi encontrado e salvo, Kankurō juntou-se com Temari para agradecer a Equipe Kakashi por salvar seu irmão. Também foi observado que ele gosta de coletar fantoches, e instalar e atualizar os mecanismos deles.

No japonês original, Kankurō fala com um distintivo dialeto Yokohama. Ele muitas vezes pode ser ouvido terminando suas frases com "jaan". Isso faz dele parecer difícil, já que este acento é usado frequentemente para os membros da gangue de motociclistas ou crianças punk. É possível que ele recebeu esse sotaque para fazê-lo soar diferente do padrão dos personagens de Konoha de Tokyo japonês.

Aparência Editar

Em Naruto, Kankurō usava um traje preto completo com um círculo vermelho e amarelo na frente. Ele também usava um capuz preto que cobria a cabeça completamente, e tinha orelhas de gato e sua bandana. Equipamentos tanto esta quanto mais tarde são derivados de marionetes Bunraku tradicional trajes; marionetistas bunraku geralmente usam roupas pretas e capuzes para não distrair de suas marionetes. Quando ele fez uma aparição, Kankurō ostentava um desenho da face triangular, que passou a ter um design diferente no arco de Recuperação de Sasuke até Naruto: Shippūden. Ele também usa luvas e carrega seus fantoches em suas costas.

Em Naruto: Shippūden, Kankurō mais uma vez mudou a pintura do seu rosto. Ele também tem um boneco novo, bem como vestindo uma roupa preta consistindo de um topo de comprimento e calça com uma faixa vermelha na cintura. Ele é revelado por ter o cabelo castanho em Naruto: Shippūden e quando visto com ou sem arnês rosto sujos de tinta, ele lembra muito seu pai. Seu capuz muda mais tarde, quando visto novamente e usa um vestido tipo kimono. Ele carrega seus fantoches em suas costas ainda, só que eles estão agora em pergaminhos. Ele também ostenta uma pintura nova na face. Sabe-se agora a partir de uma face para os lábios e ao fim de a outra face, e uma outra linha de partida a partir do topo do lábio superior para a parte inferior do queixo. Parece que ele faz a letra T. Por um breve momento, sua pintura no rosto também mudou de volta para o desenho e teve um novo projeto com uma linha atravessando os olhos e um design em forma de T abaixo de seu lábio superior.

Após o início da Quarta Guerra Mundial Ninja, Kankurō veste o traje padrão de um ninja de Sunagakure, juntamente com o seu capuz, que agora tem o símbolo da Aliança Shinobi costurada sobre a mesma. Ele tem a mesma pintura facial do Arco de Recuperação de Sasuke, mas com linhas mais amplas e nenhuma linha sobre o nariz.

Naruto Editar

Exame Chūnin Editar

Logo após sua chegada em Konoha para o Exame Chūnin, Kankurō e sua irmã, Temari foram vistos pela primeira vez com a Equipe 7, Konohamaru, Moegi e Udon. Aborrecido por Konohamaru ter se esbarrado com ele acidentalmente, Kankurō agarrou-o pelo seu cachecol e subiu ao alto. Alguns momentos depois, Naruto tentou ajudar Konohamaru, mas ele aparentemente tropeçou em si mesmo, mas na realidade, era Kankurō que estava fazendo. Kankurō finalmente ficou aterrorizado depois que Sasuke jogou uma pedra na mão. Enfurecido, Kankurō se preparou para lutar, mas foi ameaçado por Gaara para parar, que fez. Durante a primeira fase, escrita, do exame, destinado a testar a capacidade dos examinandos para recolher informações de forma encoberta, e Kankurō pediu licença para ir ao banheiro revelando que um dos procuradores era realmente seu fantoche Karasu disfarçado. Depois de recuperar as respostas, Kankurō voltou para a sala de exame apenas no tempo antes da parte final do exame começar. Quando ele voltou para seu assento, ele passou as respostas para Temari. Enquanto o examinador Ibiki Morino disse Kankurō que ele esperava que seu "fantoche-playing" foi benéfico, Kankurō ficou chocado ao perceber que o examinador tinha descoberto o seu plano.

Durante a segunda fase, um teste de sobrevivência na Floresta da Morte, Kankurō junto com seus irmãos esperaram no portão de entrada da floresta prontos para assumirem o exame. Assim que o exame começou, Kankurō pensou que não só tinha de se preocupar com seus inimigos, mas também com seu irmão mais novo Gaara, que podia atacar ou mesmo matá-lo. Mais tarde ele foi visto com Gaara que assassinou brutalmente uma equipe de genin Amegakure facilmente. Gaara queria mais sangue, notou esquadrão Kiba atrás dos arbustos. Kankurō e Temari sabia que Gaara estava planejando a matá-los. Eles tentaram pará-lo, mas Gaara ameaçou matá-los se eles estivessem no caminho. Kankurō estava farto de todos os problemas que eles têm que passar com ele, pois ele se aproximou e pegou Gaara em sua direção. Kankurō afirmou que ele está cansado de todos estes problemas e disse-lhe para ouvir seu irmão mais velho de uma vez. Gaara olhou para Kankurō dizendo que ele não considera-lo como um irmão. Logo chegaram a torre de sermos os primeiros lá Anko surpreendente por causa da rapidez com que chegou. Nenhum dos irmãos foram feridos ou mesmo arranhado devido à grande força Gaara possui.

Para as finais no Exame Chūnin, Kankurō foi colocado para enfrentar Shino Aburame.

Invasão em Konoha Editar

Quando estava chegando sua partida contra Shino, Kankurō desistiu por estar envolvido na invasão de Suna e Oto em Konoha e não queria revelar os segredos do Karasu. Quando a invasão começou, Kankurō e Temari escoltaram Gaara ferido para fora da aldeia. Ao perceberem que estavam sendo perseguidos, Kankurō ficou para trás para ganhar tempo. Antes que ele pudesse enfrentar Sasuke, Shino chegou para lutar contra esse, dando a oportunidade para Sasuke continuar seguindo Gaara. Assim, a luta de Kankurō e Shino começou, com o ninja de Suna fazendo os primeiros ataques. No entanto, o fantoche Karasu foi contido pelos insetos de Shino, e antes que Kankurō pudesse atacar, ele foi cercado pelos insetos do oponente, atraídos por um inseto fêmea colocado nesse. No entanto, Shino desmaiou, pelo efeito do veneno de Kankurō, e não pôde derrotar esse. Mais tarde, Kankurō e Temari levaram Gaara, derrotado por Naruto, para Sunagakure. No caminho, Gaara pediu desculpas aos seus irmãos, e Kankurō aceitou.

Recuperação de Sasuke Editar

Kankurou vs. Ukon.png

Kankurō salva Kiba de Ukon.

Os Irmãos da Areia foram chamados pela Godaime Hokage para ajudar a equipe de recuperação de Sasuke para Konoha. Kankurō foi auxiliar Kiba Inuzuka e seu cão Akamaru contra Sakon e Ukon. No confronto, ele revelou seu novo fantoche Kuroari, e usou-o junto ao Karasu para matar os irmãos gêmeos com o Kurohigi Kiki Ippatsu. Após a luta, eles voltaram em Konoha, onde os outros ninja de Konoha estavam hospitalizados. Kankurō e seus irmãos foram vistos se despedindo de Shikamaru ao saírem de Konoha.

Naruto: Shippūden Editar

Sequestro de Gaara Editar

Dois anos e meio depois, Kankurō foi visto pela primeira vez quando seu irmão mais novo e o Quinto Kazekage, Gaara, estava lutando contra um membro da Akatsuki, Deidara, em uma batalha aérea em Sunagakure. Kankurō estava assistindo a batalha, ao lado de outros shinobi incluindo Baki. Cada vez que os Suna-nin perdiam sua fé, Kankurō repetiu uma declaração positiva para defender Gaara e sua força. Em um ponto, Baki disse Kankurō que sua aldeia pode estar em perigo se Gaara perdeu o controle de seu Bijū, mas Kankurō, lembrando de uma conversa anterior com seu irmão respondeu afirmando que Gaara nunca iria prejudicar a aldeia, não importa como ou quando. Essa afirmação foi comprovada ser verdade quando Gaara protegeu sua aldeia inteira do ataque mortal de Deidara. Ainda não foi suficiente, e Gaara foi derrotado e capturado por Deidara, que o levou para fora da vila em direção à base da Akatsuki, junto com seu parceiro Sasori.

KankurouvsSasori1.png

Kankurō confronta Sasori.

Então, Kankurō começou uma perseguição, determinado a impedi-los de matar seu irmão. Pouco antes de alcançar Sasori e Deidara no meio do deserto, ele ficou horrorizado ao ver todos os Suna-nin na fronteira da vila mortos. Quando Kankurō pediu por seu irmão de volta, Sasori mandou Deidara seguir em frente para deixá-los lutarem as sós, o que fez Kankurō convocar Karasu, Kuroari e, sua nova marionete, Sanshūou. Antes da verdadeira luta começar, Sasori pôde prever os movimentos do Karasu e conseguiu pará-los apenas com sua cauda.

KankurouvsSasori6.png

Kankurō ao ser derrotado por Sasori.

No anime, foi estendido a luta de Kankurō e Sasori, revelando que a cauda envenenada de Saosri atingiu o corpo de Kankurō e o deixou dormente. De volta ao enredo original, as marionetes de Kankurō estavam todas destruídas e ele imóvel. Sasori portanto revelou que sabia dos segredos das marionetes de Kankurō por que foi ele quem as criou, para espanto do irmão de Gaara, mas também alegou que aquela luta tinha sido divertida para ser contra alguém tão jovem quanto Kankurō. Em uma última tentativa, Kankurō moveu um braço do Karasu para atacar, mas só conseguiu rasgar um pedaço do pano de Sasori. Então, Kankurō ficou inconsciente antes de um esquadrão de Suna chegar para levá-lo de volta à vila.

Assim que o Time Kakashi chegou em Sunagakure, Sakura curou Kankurō, e criou um antídoto contra o veneno de Sasori. Kankurō ainda ofereceu parte da capa de Sasori para os Konoha-nin rastrearem Gaara. Algum tempo depois, ele mostrou-se irritado por não conseguir resgatar Gaara e participou de um conselho, em que quase discutiu com um dos membros do conselho, mas foi interrompido por Baki. Quando Gaara morreu, Kankurō viu a foto dos seus irmãos rachada, ao ter caído. Em seguida, ele e a equipe de Temari foram ajudar o Time Kakashi, e viram Gaara ser revivido por Chiyo. Ele também participou do funeral de Chiyo, e os Irmãos da Areia agradeceram o Time Kakashi pelo resgate de Gaara. Kankurō agradeceu pessoalmente Naruto.

Reunião dos Kage Editar

Kazekage-Reunião.png

Kankurō e Temari como guarda-costas do Kazekage.

SunavsSasuke1.png

Os Irmãos da Areia confrontando Gaara.

Kankurō e Temari são escolhidos para escoltar Gaara à Reunião dos Kage. Quando a reunião, no País do Ferro, começou, Kankurō e Temari ficaram incomodados pelo desrespeito dos outros Kage para com Gaara, por ser jovem. Os dois aparecem defendendo Gaara do ataque de fúria do Raikage, e novamente quando Zetsu invade a reunião. Como Zetsu revela a presença de Sasuke, os Irmãos da Areia saem para ajudar o Raikage na luta contra Sasuke. Gaara chega a tempo de salvar Sasuke do ataque do Raikage, enquanto Kankurō e Temari salvaram alguns samurais. Como Gaara não conseguiu convencer Sasuke a sair da escuridão, os Irmãos da Areia e Darui juntam ataques para derrotá-lo. Entretanto, Sasuke sobrevive ao utilizar o Susanoo e foge, fazendo os Irmãos da Areia e o grupo do Raikage a persegui-lo de volta para a sala da reunião. Lá, todos encontram Tobi, que revela seu "Plano: Olho da Lua" e declara a Quarta Guerra Mundial ninja. Então, os Kage concordam em formar a Aliança Shinobi. No retorno para Suna, os Irmãos da Areia informam Kakashi, e Naruto, sobre o que aconteceu na reunião. Em seguida, eles retornam para a Sunagakure para se preparar para a guerra.

Quarta Guerra Mundial Ninja Editar

Ficheiro:Divisão de Emboscada.png
EmboscadavsAkatsuki4.png

Kankurō captura Sasori e Deidara.

Kankurō é colocado como líder da Divisão de Emboscada. Ele e sua divisão viajam por trás das linhas inimigas para montar uma emboscada. Quando os preparativos estão completos eles esperam por atividade inimiga. Logo, eles são surpreendidos por uma armadilha de Deidara utilizando Muta. Kankurō entra no combate e junta sua linhas de chakra com as de Sasori para puxá-lo para o campo. Enquanto cai, Sasori se choca com Deidara, pela técnica de Ittan. Como Sasori elogia Kankurō, esse revela seu fantoche Sasori e sufoca uma explosão com o Sanshōuo. Mais tarde, Kankurō consegue capturar Sasori e Deidara em dois fantoches Kuroari e os empalou com o Karasu. Aproveitando, ele convenceu Sasori sobre a imortalidade dos seus fantoches, fazendo esse confiar-lhe seus fantoches Mãe e Pai e ser libertado do Kuchiyose: Edo Tensei. Tempo depois, o Time de Emboscada foi confrontado por Hanzō, Chiyo e Kimimaro. Eles são perseguidos e envenenados pelo Ibuse, mas Mifune e alguns samurai chegam para salvá-los, engajando o inimigo e removendo o veneno de seus companheiros de Aliança. Mais tarde, Kankurō ficou chocado ao ver Deidara ser libertado do Edo Tensei.

Habilidades Editar

Kankurō é um marionetista talentoso, indicado quando Sasori, um renomado mestre do Kugutsu no Jutsu, elogiou as habilidades de Kankurō. Ele tem grande habilidade em ambos modificar e controlar fantoches, e era fisicamente forte o suficiente para transportar cerca de dois fantoches em suas costas em Naruto, embora em Naruto: Shippūden, ele usa pergaminhos para armazená-los dentro. O fato de que ele foi escolhido para liderar a Divisão de Emboscada permanece como um testemunho de suas habilidades. Mostrou-se um líder capaz enquanto comandava sua divisão, tendo sua equipe montado uma sede em miniatura antes de designar indivíduos para várias funções, bem como ter o sentido tático para chamar uma retirada quando discordância.

Como marionetistas são lutadores de longo alcance, que contam com seus fantoches em combate, Kankurō é fraco em combate de perto. No entanto, ele veio com muitas maneiras de escapar: ele é mostrado para agir bem enganosamente, trocando de lugar com seus bonecos utilizando o Kawarimi no Jutsu, também alterando a aparência dos fantoches para se assemelhar com a sua, para escapar da luta corpo a corpo quando um adversário se aproxima demais, enquanto ao mesmo tempo coloca seus fantoches na faixa do inimigo, permitindo Kankurō para pegar seus inimigos desprevenidos e matá-los.

Quando foi introduzido inicialmente, Kankurō só podia usar um boneco único por vez. No entanto, ele nos anos seguintes aprimorou suas habilidades de controlador de marionetes e se tornar um mestre das marionetes, capaz de manobrar mais fantoches ao mesmo tempo. Ele também mostrou a capacidade de anexar suas próprias cordas de chakra com de outro marionetista, um feito que lhe rendeu elogios de Sasori. Kankurō afirma que seu Kurohigi superou Akahigi.[1]

Mestre das Marionetes Editar

Com cada uma das suas aparições nos arcos principais, Kankurō é visto com um novo boneco em seu arsenal. Os quatro bonecos que foram introduzidos foram todos originalmente criado por Sasori (o quarto era o corpo do próprio Sasori), e que estava na posse de Kankurō de algum tempo após Sasori sair de Sunagakure. Os seus três primeiros fantoches são destruídos por Sasori no início de Naruto: Shippūden. Depois de ter seus fantoches destruídos, ele levou o corpo de Sasori e o usou como um de seus fantoches após sua morte. Durante a Quarta guerra Mundial Ninja, ele é visto com os fantoches anteriormente destruídos, que foram sido reparados, além de uma duplicata do Kuroari.

Os fantoches de Kankurō parecem ter sido projetados para trabalhar juntos em algum grau, como pode ser visto quando eles usam o Kurohigi Kiki Ippatsu, onde Karasu perfura um adversário dentro do Kuroari. Uma vez preso, Karasu separa seus membros para revelar um número de armas escondidas, que entram nas ranhuras no corpo do Kuroari para empalar o oponente. Com propósito similar, embora necessitando apenas um fantoche, o anime Kurohigi Kiki Nihatsu que corta com quatro lâminas para serem executados ao longo dos lados do Kuroari, cortando a vítima dentro. Kurohigi: Kiki Sanpatsu é usado por Kankurō para prender mais pessoas e matá-las, ao mesmo tempo. No anime, Kankurō também foi mostrado combinar seus ataques de fantoches para torná-los mais perigosos, como pode ser visto quando eles usam o Dokukiri Jigoku: Baribari Hyaku Renpatsu, onde Karasu cobre a área em uma cortina de fumaça, enquanto Kuroari dispara as agulhas envenenadas no adversário sem visão.

SasoriMarionete.png

Kankurō controlando a marionete Sasori.

As habilidades de fantoches de Kankurō também são altamente adaptáveis​​, como mostrado por meio de seu último fantoche, Sasori, que ele obteve após a morte de Sasori. Kankurō também foi capaz de forma eficaz adicionar várias modificações nele. Ele retém o seu lança-chamas, e as lâminas em sua volta, mais ele instalou o mecanismo a utilizar Kikō Junbū em seu braço direito e modificou o seu braço esquerdo para ampliar. Kankurō pode usar o Akahigi: Kiki Sankaku com este boneco. Depois que ele derrotou Sasori na Quarta Guerra Mundial Ninja, o mestre das marionetes passou seus fantoches Mãe e Pai para Kankurō.

Estatísticas Editar

Databook Primeiro Segundo Terceiro
Imagem
KankurouStats1.gif
KankurouStats2.gif
KankurouStats3.gif
Ninjutsu: 3.5 4.0 4.0
Taijutsu: 1.5 2.5 3.0
Genjutsu: 1.5 2.0 2.0
Inteligência: 2.0 3.5 3.5
Força: 2.5 3.0 3.5
Agilidade: 2.0 2.0 2.5
Estamina: 2.5 3.5 4.0
Selos Manuais: 3.5 4.0 4.0
Total: 19.0 24.5 26.5

Batalhas e Eventos Editar

Curiosidades Editar

  • O nome de Kankurō vem de Nakamura Kankurō (中村勘九郎), que é um nome artístico usado em uma longa linha de atores kabuki que datam do século XVII. A última pessoa a carregar esse nome era Nakamura Kankurō V (五代目中村勘九郎, Godaime Nakamura Kankurō), que mudou seu nome artístico ao mais prestigiado Nakamura Kanzaburō XVIII (十八代目中村勘三郎, Jūhachidaime Nakamura Kanzaburō) em 2005.
  • Sempre que Kankurō aparece em uma nova saga do mangá, ele ostenta um novo projeto de pintura roxa no rosto. Esta poderia ser uma homenagem ao teatro Kabuki, onde a pintura do rosto é frequentemente utilizado.
  • Em um omake, Temari disse que se Kankurō continuar falando com seus bonecos, eles podem estar vivos, e os amigos não vão sair mais com ele.
  • O passatempo de Kankurō é coletar fantoches, e instalar e atualizar os mecanismos deles.
  • Kankurō deseja lutar contra qualquer pessoa, exceto Gaara.
  • A comida favorita de Kankurō é hambúrguer de bife, enquanto sua comida menos favorita é o espinafre.

Frases Editar

(Para Kiba sobre Sakon e Ukon ) "Desde que eu fui subestimado tanto assim, eu não posso estar deixando apenas ainda".

(Para Naruto ) "Não se sinta mal. Mulheres sempre vai fraco nos joelhos para o tipo legal de elite".

(Para Gaara sobre Sasuke ) "Gaara ... não se preocupe ... se ele poderia ser convencido, Naruto não teria falhado. Ele é um criminoso, agora, um membro da Akatsuki ... ele não é como você". 

(Para Omoi ) "Como bem ou mal nós executamos nossa emboscada terá um enorme impacto sobre esta guerra e quantas baixas que sofremos. Se você quer proteger seus amigos e familiares, a única coisa que você deve estar pensando é como fazer isso sucesso uma operação! "

(Para Sasori ) "Sasori ... sua força veio por causa de sua alma, e não apesar dela. Você tentou apagá-lo, para se tornar um fantoche mesmo, mas não conseguiu mudar completamente. Agora você tem o seu corpo imortal, mas você 've caído, afundado ao nível dos bonecos que você usou para controlar. Você deveria ser um ninja de alto nível marionetes, não é ninguém sem valor que permite que alguém puxar as cordas ".

(Para Sasori) "Quando um titereiro permite que alguém controlá-lo, está tudo acabado Eu não vou perder para você ... ou para o controle de você. Se eu vou para o controle Sasori, eu poderia muito bem controlar a coisa real! ... Suas técnicas ... e os bonecos criados nunca vai apodrecer. Enquanto não há um sucessor que assumirá o espírito habitá-los! "

(Para Sasori) Quando o mestre de marionetes começa a ser controlado, acabou para ele.

Referências Editar

  1. Naruto capítulo 518, página 4

Predefinição:Navegação Sunagakure

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória